Cisne-de-Pescoço-Preto

Posted by:  :  Category: Cisnes

Nome Comum: Cisne-de-pescoço-preto
Nome Científico: Cygnus melanocoryphus
Inglês: Black-necked Swan
Francês: Cygne à cou noir
Espanhol: Cisne Cuello Negro
Dinamarca: Schwarzhalsschwan
Reino: Animália
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrado
Classe: Aves
Ordem: Anseriformes
Família: Anatidae
Gênero: Eurypyga
Distribuição geográfica: Sul da América do Sul
Habitat: Lagos, lagunas e pântanos
Hábitos alimentares: Onívoro
Reprodução: No estado selvagem, a estação de procriação começa em Julho e estende-se até Novembro. Os ninhos são normalmente construídos perto da água, em vegetação grossa. Utilizam muitos paus e palhas para cobrirem os ovos. A fêmea põe entre três a seis ovos que eclodem após 36 dias de incubação. A fêmea choca os ovos enquanto o macho preocupa-se em proteger o território.
Comportamento: os cisnes-de-pescoço-preto são muito bons pais. Por vezes podemos avistar os filhotes passeando montados nas costas dos pais.
Tempo de vida: Aproximadamente 25 anos
Tamanho: 1 m de comprimento
Alimentação: Plantas aquáticas, sementes, vegetais, pequenos insectos e moluscos.
Estatuto de conservação: É considerada uma espécie ameaçada.

O cisne-de-pescoço-preto pode figurar na lista das preciosidades ornitológicas. Distribuído pelo sul do Brasil e Chile, é também encontrado no Uruguai, Paraguai, Argentina, Terra do Fogo e Ilhas Falkland. Sendo um pouco menos que seus parentes do hemisfério norte, o cisne-de-pescoço-preto atinge 1 m de comprimento; é todo branco, com exceção da cabeca e do pescoço, que são pretos. Tem uma carúncula vermelha sobre o bico e uma listra branca que corre dos olhos até a nuca.

O Cisne-de-pescoço-preto é ave gregária e de hábitos sedentários. Vive perdo das lagoas e, particularmente, próximo ao mar, alimentando-se de plantas aquáticas. É excessivamente arisco e, quando pressente o perigo, levanta vôo com grande alarido. Desajeitado no andar, precisa correr alguma distância para levantar vôo. Produz com as asas um ruído especial que, mesmo nos vôos em bando, se mantêm cadenciado, pois todos os elementos do grupo batem as asas ao mesmo tempo.

Lúcia Helena Salvetti De Cicco
Diretora de Conteúdo e Editora Chefe
Fonte: www.saudeanimal.com.br


?>